quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

VASOS DE FLORES QUEBRADOS

FABÍOLA MOLINA

FABIOLA MOLINA
F ez em mim maravilha
A companha meus passos nesta trilha
B usco em tudo seu socorro
I mediatamente paraEle eu corro
O nde posso encontrar melhor proteção
L onge Dele fico sem ação
A agradeço aDeus em adoração
M inha vida é a natação
O nde procuro dar o melhor
L onge muitas vezes dos que amo
I mploro Sua companhia e
N ele confio e busco
A través da Cançao Nova . COM CARINHO
ANGELICA GOUVEA Deus age de maneiras misteriosas em nossa vida Fabíola Molina Sou Fabíola Molina, atleta de natação da seleção brasileira, já participei das Olimpíadas de Pequim (China) nesse ano e sou sócia da Canção Nova. Participo da comunidade e gostaria de convidar você a também fazer parte desta família, que é uma benção na nossa vida. A Canção Nova tem me ajudado muito nos momentos de dificuldade. Nós sabemos o quanto é difícil dar aquele primeiro passo. Por que eu vou contribuir? O que essa contribuição vai afetar, diretamente, a minha vida? Mas se você der o primeiro passo e ajudar com o pouquinho que você tem, vai ver como "aquele ato" vai trazer muitas bençãos para você e tantas glórias. Nós não sabemos como, mas Deus age de maneira misteriosa e vamos sentindo, aos poucos, a mão de Deus nos guiando. Então eu lhe peço: se você ainda não deu esse passo, dê. Você começa a participar da comunidade ajudando da maneira que você pode, porque eu acho que isso é o importante. Cada um tem um dom, cada um tem uma situação, mas fazendo o nosso pouco, vamos contribuir com a comunidade e Deus, com certeza, vai estar muito feliz por qualquer coisa que você fizer se você estiver ajudando de coração. Deus o abençoe cada vez mais em tudo que você faz. Amém » Entrevista com Fabíola Molina Fabíola Molina A nadadora Fabiola Molina, de São José dos Campos é uma das principais atletas do país. Confira!!! Como você descobriu a vocação pela natação? E qual foi a influência de seus pais? Comecei a nadar com 4 anos por causa da bronquite. Como meus pais sempre gostaram da água, estávamos sempre na praia, ou na piscina. Fui competindo e gostava muito do ambiente da natação, das amizades e das viagens, e com isso, descobri que gostava da natação e quis continuar. Meus pais foram essenciais na minha formação e me incentivaram em todos os momentos. Estavam sempre presentes e entendiam os momentos difíceis e compartilhavam as alegrias comigo. O que mudou no coração da Fabíola, após o reconhecimento profissional? O meu coração continua o mesmo, mas a gente sente que pode ajudar mais pessoas com o que conquistamos - com o nosso exemplo - e tento fazer isso na medida do possível. Para um atleta o menor tempo é a razão de seus esforços; e na vida pessoal da Fabíola? Sou uma pessoa tranqüila e gosto de curtir os momentos com a família e os amigos. Os esforços na vida pessoal são para se estar em harmonia com a família e com todos ao meu redor, bem como para crescer em amor e ser uma presença de luz. Entre os atletas nas competições internacionais, existem momentos para viver a espiritualidade? Os organizadores geralmente fazem questão disso, ou não? Como você vive sua espiritualidade no dia a dia? Quando eu morava nos Estados Unidos, havia um movimento que organizava momentos de espiritualidade antes das competições. Líamos um trecho da Bíblia e refletíamos um pouco a respeito e a seguir rezávamos. Isso nos ajudava muito. Pois nos lembra que não buscamos apenas a “coroa corruptível”, mas principalmente a “coroa incorruptível”. Aqui no Brasil nunca participei de eventos assim. No meu dia-a-dia, leio o Evangelho do dia e rezo junto com meus pais. O que a experiência nas Olimpíadas em Sidney acrescentou em sua vida? Foi a trajetória para chegar até as Olimpíadas que me acrescentou muito. Todos os lugares pelos quais passei e as pessoas que conheci. Com cada pessoa e em cada lugar me enriqueci muito. Aprendi que temos que acreditar nos nossos sonhos, contar com as pessoas do nosso lado e com Deus e lutar muito pelo o que a gente quer. Qual o exemplo que você procura imprimir para aqueles que convivem com você ou acompanham o seu trabalho? Tento sempre ser otimista, alegre, companheira e batalhadora. Quando você percebeu o toque de Deus em sua vida? E qual a participação de seus pais na vida espiritual? Desde cedo me sinto abençoada - por tudo o que Deus realizou na minha vida. Devido a meus pais participarem do movimento “Equipe de Nossa Senhora”, a gente sempre estava em contato com pessoas de muita fé, e isso ajudou a me fortalecer e a encontrar a Deus. Meus pais participam na minha vida até hoje - me amando, respeitando e passando os seus valores para mim. Qual o seu conceito sobre Fé? Como você a vive concretamente? É ter a certeza absoluta do amor de Deus para conosco, mesmo sem senti-lo algumas vezes, por exemplo, quando as coisas dão errado. É acreditar que Deus é nosso Pai e vai estar sempre junto de nós. Eu vivo isso concretamente agradecendo a Deus por todas as bênçãos que Ele tem derramado sobre mim, minha família e amigos, e em especial, e o amando através do amor às pessoas. Qual a seu conselho para aqueles que estão iniciando a sua caminhada na Fé? Que não tenham medo de se entregar nas mãos desse Deus tão maravilhoso! Abram cada vez mais o seu coração e Deus vai realizar muitas maravilhas em suas vidas! Como você conheceu a Canção Nova? Participo do “Grupo de Jovens da Sagrada Família” e lá partilhamos sobre os acampamentos ou livros da Canção Nova. Em uma de suas entrevistas, você citou o portal cancaonova.com como um de seus favoritos. O que você busca em nosso portal? E o que ele contribui na sua vida? Busco me aprofundar na fé, ler artigos que me enriqueçam e me tragam novas perspectivas, as quais me elevam e me levem a refletir para que eu possa ser uma cristã melhor. Para você qual é a importância de um portal 100% católico? Hoje as pessoas, principalmente a juventude, têm muitas distrações, muitos caminhos para escolher... e com um portal 100 % católico a direção é certa! Não nos deixa dúvidas sobre qual caminho devemos seguir. Deixe sua mensagem para nossos internautas Permita-se ser amado por Deus! Sentirmos a mão de Deus sobre nossas vidas e sabermos que somos guiados